Grey’s Anatomy 8 x 03 – Take the Lead

Nossa avaliação

Grey’s Anatomy sempre foi uma série sobre a dor e a delícia de ser o que é do crescimento. Nossos personagens favoritos cresceram por sete temporadas inteiras e chegou a hora de tomar a dianteira no trabalho e em suas próprias vidas. É chegada a hora de assumir as conseqüências de seus atos e das primeiras cirurgias como cirurgiões principais.

Logo no início do dia que lhes traria novas posições e com elas novas responsabilidades, Richard anuncia sua saída do cargo de cirurgião-chefe e Owen Hunt como seu substituto. A reação da equipe é unânime: todos – ou quase todos, já que Teddy continua sendo Happy Teddy –, demonstram desconforto com o fato do chief ter largado o posto para proteger Meredith Grey.

Bailey, braço direito de Richard, toma suas dores e coloca em prática todo o seu potencial para bully no ambiente de trabalho e aterroriza Owen do jeito que só ela sabe. Só quando o agora ex-chief confidencia que está feliz é que ela promete tentar deixar a raiva de lado. Meredith, afinal, fraudou os testes clínicos de Derek para dar mais tempo a sua esposa e ele. E, definitivamente, ele vai aproveitar este tempo.

Também lutando com insubmissões em seu novo cargo, April cria uma escala de treinamentos que devem ser ministrados aos internos pelos residentes do quinto ano. Mais preocupados com suas primeiras grandes cirurgias, Meredith, Cristina, Alex e Avery ignoram os pedidos da residente-chefe e fazem uma aposta. Aquele que se sair pior na sala de operações assumirá toda a escala de treinamentos por um mês inteiro.

Avery, J

Avery continua no caminho da plástica e tem como primeira cirurgia a correção de lábio leporino em um bebê de poucos meses. Arizona fica impressionada com as habilidades do novo Gunther do SGH, mas discorda do método escolhido por ele. Jackson tenta argumentar, mas quem manda na ala pediátrica é a doutora de patins e, pelo bem do paciente, ela decide entregar o procedimento a quem realmente entende do negócio, Mark Sloan.

Avery, brasileiro que não desiste nunca determinado a fazer a cirurgia ele mesmo, recorre àquilo que todos os outros residentes recorrem em um momento como este: cirurgia em porcos. E não é que ele manda muito bem no método escolhido pela Dra. Robbins e apresenta o porco mais bonito que ela já viu?! Mas Arizona, que deve ter tomado umas aulinhas de bullying com Bailey, pressiona o residente e Sloan tem que ser chamado para fazer todo o trabalho e salvar a criança de um futuro nada promissor na high school.

Karev, A

Karev, até então o super-herói da pediatria, surpreende trocando um procedimento complicado em uma criança pela aparentemente mamão-com-açúcar ressecção intestinal da cirurgia geral. Arizona e April acham que ele está escolhendo o caminho mais fácil para se destacar diante do conselho e, de quebra, ganhar a aposta entre os residentes.

Encurralado, Alex reage sendo Alex (a.k.a. um babaca) e maltrata April na frente do paciente e também do ex-chief. A residente-chefe precisa, então, abrir mão de sua cirurgia ortopédica com Torres para assisti-lo em seu procedimento e fazer todas as obrigações médico-paciente que Karev parece se achar importante demais para fazer.

Enquanto se preparam, Kepner acaba descobrindo a verdade. Alex está muito nervoso e com medo de errar. Por isso, passou todo o tempo estudando e desistiu de fazer sua primeira cirurgia em uma criança. Porém, sua compaixão e palavras de motivação não são suficientes para ajudá-lo a salvar o paciente que já estava perdido antes mesmo que ele pudesse fazer qualquer coisa.

Yang, C

Cristina está vibrando com sua primeira substituição de válvula mitral e com a possibilidade de Teddy ficar caladinha no canto da sala enquanto ela comanda seu próprio cardio-show. Nem mesmo os problemas de intimidade que ela e Owen adquiriram após o aborto parecem atrapalhá-la em sua missão de continuar atazanando a vida dos novos internos que estão sempre esquecendo o básico.

Ironicamente, sua substituição de válvula acaba se transformando em uma apendicectomia e Teddy resolve voltar ao básico com Cristina que parece não se lembrar de uma cirurgia que qualquer interno em seu primeiro ano conhece. Empacada no meio da retirada do apêndice, Cristina leva a maior lição de moral de Altman que… ops, não lembra como seguir adiante também. Salvas por uma enfermeira, as duas prometem manter o momento embaraçoso em segredo.

Grey, M

Sem notícias de Zola, Derek e Meredith se debatem tentando salvar o que restou de seu casamento. Ela acha que os dois não devem entrar na sala de operações juntos para realizar sua primeira grande cirurgia solo (claramente mais difícil do que fazer malabarismos com serras elétricas!). Derek acha que ela está pronta, mas os problemas de confiança do casal causam o maior climão na SO.

Discordando de Derek sobre que tamanho de clipe usar para isolar o aneurisma, Meredith resolve mais uma vez seguir com sua teimosia.  Ela termina a operação sob aplausos vencendo a aposta entre os residentes e a batalha de egos entre o casal. Fora do hospital, Derek a acusa de irresponsável e imatura. Meredith admite que errou, mas diz que mudou depois de Zola. Derek diz que a entende e não teme por ela com a bebê. Então, Meredith resolve assumir as suas conseqüências. De agora em diante, os dois não trabalharão mais juntos.

A partir de agora é cada um no seu quadrado...

O próximo episódio is for the ladies

P.S.: Sério, Shonda Rimes! Cadê Lexie Grey em nossas vidas?

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • A gente
  • Home
  • Retro
  • Homeopatia
  • Overdose
  • Plantão
  • Receituário
  • Ressonância
  • Sem categoria
  • 2020
  • 2019
  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010
  • 2009