Busca

»»

Cadastro



»» enviar

Pra que tanta mulher?

18.02.06

por Braulio Lorentz

The Pussycat Dolls - PCD

(Universal, 2005)

Top 3: “Beep”, “Don’t Cha” e “Hot Stuff”.

Princípio Ativo:
Muita mulher

receite essa matéria para um amigo

Começou como uma brincadeira envolvendo mais de uma dezena de mulheres, mas se tornou um sucesso rebolante. A brincadeira era mais ou menos assim: garotas vestidas de roupas íntimas faziam performances e cantavam pérolas do cancioneiro pop na cidade de Los Angeles.

Nicole Scherzinger é a dona da voz principal e tem um quinteto de garotas coadjuvantes em sua disposição. O time de garotas dançantes é formado por Carmit Bachara, Ashley Roberts, Jessica Sutta, Melody Thornton e Kimberly Wyatt. Christina Aguilera, Pamela Anderson, Paris Hilton, Kelly Osbourne, Pink, Britney Spears, Carmen Electra e Gwen Stefani também costumavam participar das apresentações marcadas por covers e roupas íntimas.

O Pussycat Dolls é um Axé Blond melhorado ou talvez um Destiny’s Child piorado. “Hot Stuff” tem baforadinhas como em “Lose my breath” de Beyonce e suas amigas. Sem baforadas, “Stickwitu” parece uma balada que se desgarrou do repertório de Jennifer Lopez. Como a interpretação das Pussycat é acima da média, o resultado fica melhor do que provavelmente ficaria na voz de J-Lo.

A divertida “Beep”, com participação de will.i.am, do Black Eyed Peas, troca palavrões por “ha-ha-ha’s”: “Todo o garoto é o mesmo/ Desde que eu era da sétima série/ Eles tentam ficar comigo/ Tentam Ha, ha-ha, ha, ha-ha”. Na resposta de will.i.am, a troca é pelos tais “Beep’s” do título da canção: “É engraçado como os homens só pensam em (beep)/ Você tem um coração grande, mas eu estou olhando é pra sua (beep)/ Você é inteligente, mas eu estou olhando pra (beep)”.

Elas começaram com roupa íntimas e a ajuda de mulheres famosas, agora estão com menos roupa ainda e a ajuda de rappers famosos. Junto com o líder do Black Eyed Peas, will.i.am, Timbaland assina a produção. Timbaland é um nome perfeito para as Pussycat, já que trabalhou com Nelly Furtado, Britney Spears, Missy Elliot e outras moças do pop. Ele produz o álbum e canta no pancadão “Wait a minute”.

O clima é de “homem não entra”, mas as reboladas das moças e as letras são feitos sob medida para rapazes. “Você não desejaria que a sua namorada fosse gostosa como eu? Você não desejaria que a sua namorada fosse divertida como eu?” são as perguntas do hit “Don't Cha”, com participação do rapper Busta Rhymes. A música possui um dos refrões mais repetidos no verão brasileiro.

A versão de “Tainted Love” relembra os tempos dos babydolls e lingeries, mas sem a empolgação que eu imagino que havia naquele período. Com roupa íntima e muita bebida nos bares de L.A., as canções cheias de beep’s, risadas bêbadas e reboladas deveriam fazer mais sentido.

Roupa íntima cobre bem mais o corpo. Ou não.

» leia/escreva comentários (50)