Busca

»»

Cadastro



»» enviar

Manual eletrônico

09.09.07

por Rodrigo Ortega

Calvin Harris - I Created Disco

(EMI - importado, 2007)

Top 3: “Merrymaking at my place”, “Acceptable in the 80s”, “The Girls”.

Princípio Ativo:
Os nerds também dançam

receite essa matéria para um amigo

O trabalho de um escocês branquelo e esquisito de 23 anos, oito deles fazendo música no computador do quarto, parece ser a chance perfeita para aprender a lidar com as funções dessas bugigangas eletrônicas que tocam música.

Get Info
Às vezes a gente baixa uma faixa (no caso desse disco, provavelmente “Acceptable in the 80s” ou “Merrymaking at my place”) e o maldito arquivo não vem nem com o nome do álbum. Nesse caso, use as informações da caixinha ali de cima. Se você separa músicas por gênero, vai ter mais trabalho. O Google vai dizer que é electro, electroclash e outras bobagens. Melhor ser criativo: invente um gênero, tipo “new bangadong” e impressione seus amigos. Eu inventei “myspace-rock”. Se for passar pra outras pessoas, uma boa pegadinha é colocar 1986 como ano do álbum. Aposto que vão acreditar.

Equalizador
A gente não costuma mexer na equalização e nessas coisas chatas. Afinal, somos jovens apressados e entendemos obrigatoriamente menos de engenharia de som que nossos tios colecionadores de vinis. Por isso mesmo é de se esperar que a música do jovem Calvin Harris seja meio tosca. Grande engano: o som é bem produzido, tanto que ele foi chamado para trabalhar com Kylie Minogue. Então, vale a pena, antes de dar o play, ir no controle dos graves e aumentar um pontinho.

Party Shuffle
É ultrajante deixar o controle de uma festa nas mãos aleatórias de uma máquina. Mas o último do LCD Soundsystem e esse primeiro do Calvin Harris são discos recentes que entram na restrita lista dos discos que você pode tocar sem olhar a faixa. As já citadas “Merrymaking at my place” (versão matinê de “Daft Punk is playing at my house”) e “Acceptable in the 80s” (segunda melhor música anos 80 dos anos 00, depois de “PoP goes my heart”), além de “The Girls”, devem animar bem os convidados. Mas o efeito das outras canções não vai ser muito diferente.

Repeat
Essa função vem embutida no disco. Se você foi ao banheiro na hora de “Acceptable in the 80s”, não se preocupe: as notas da base vão se repetir em “Vegas”. Depois dos vinte primeiros segundos de “This is the industry”, pode ir lá pegar outra cerveja - você já conhece tudo dessa música.

Shake Control
É uma idéia genial da Sony: passar de faixa com uma “sacudida” no aparelho. Isso resolveria o problema da repetição. Quando a pessoa já tiver sacudido o bastante, o tocador pula automaticamente para a próxima canção. Isso até aparecer a revolucionária função “Eliminar Redundância Musical”, que transformará intermináveis Gigas numa centena coesa de Megas em tocadores de Mp3 do mundo todo. Enquanto isso, mesmo com uns kilobytes a mais na cintura, I Created Disco fica bem numa pista de dança.

Piscina de bolinhas era aceitável nos anos 80 (e continua sendo hoje, eu acho)

» leia/escreva comentários (1)