Busca

»»

Cadastro



»» enviar

Overdose O Código Da Vinci

O Evangelho, segundo Dan Brown

por Daniel Oliveira

receite essa matéria para um amigo

“No princípio, era o livro. E o livro vendeu milhões de cópias. E Dan Brown viu que o livro era bom. E ganhar dinheiro com polêmica também. Foi quando o Senhor lhe apareceu em sonho e disse: 'Brown, venda os direitos de adaptação de sua obra para Brian Grazer e Ron Howard. Eles trarão Tom Hanks e todos os astros que o dinheiro pode comprar. E, acredite, para o seu bolso, isso é muito bom'. E assim foi feito. E enquanto a produção caminhava, as obras de Brown eram constantemente relançadas nas livrarias e a polêmica em torno de 'é talento ou marketing?' continuavam. E para coroar a parábola dos milhões e Maria Madalena, o filme foi lançado.”

E é com o espírito de Dan Brown - de investigar se o que o evangelho diz é verdade ou não - que o Pílula Pop ataca em todas as vertentes da obra. Confira abaixo, textos sobre o livro, o filme, o astro e descubra que a mistura literatura, polêmica e cinema não é nenhuma novidade.


O Código da Vinci - o livro

O Código da Vinci - o filme

O Código da Vinci - o astro

» leia/escreva comentários (6)