Festival do Rio #5: Scott Pilgrim Contra o Mundo

Sim, rolou cosplay. Pelo menos duas Ramonas esteveram na primeira sessão brasileira de Scott Pilgrim Contra o Mundo, no Festival do Rio, na madrugada de segunda-feira, 4/10. Lotação máxima, média de idade mínima e, felizmente, um filme com tantas piadas e referências por segundo que não deixou tempo para outras gracinhas da turma mais sem noção na sala.

A overdose das tais piadinhas e referências não é surpresa, já que o diretor Edgar Wright (Todo Mundo Quase Morto) tinha seis volumes da famosa série de quadrinhos de Bryan Lee O’Malley para condensar em uma hora e meia de filme. Mas ele fez uma boa curadoria dos melhores momentos da história de Scott Pilgrim (Michael Cera) e Ramona Flowers (Mary Elizabeth Winstead) e ainda ousou inserir novas gracinhas, como a ótima sequência de comentários “prefiro o primeiro álbum ao primeiro álbum” e “prefiro os quadrinhos ao filme”.

Para quem não conhece a saga original (piratebay mandou um abraço), o jovem canadense, baixista e desempregado Scott Pilgrim se apaixona pela misteriosa norte-americana Ramona Flowers. Para ficar com ela, tem que derrotar a liga dos seus 7 ex-namorados do mal. No meio disso, referências que vão de Rolling Stones a Super Mario Bros. Na telona, a primeira metade é fiel às páginas originais. A partir da metade o filme tem mudanças maiores para simplificar os conflitos, culminando com um final esquisito.

As atuações são ótimas, especialmente de Jason Schwartzman como o chefão Guideon e Kieran Culkin como o gay-roomate Wallace. A trilha sonora é foda, com dedos de Beck, Metric, Broken Social Scene e do produtor Nigel Godrich, com destaque pro tosco-punk-folk do Sex Bob-Omb, a banda do Scott, e do glam rock do Clash at Demonhead, da sua ex Envy Adams (Brie Larson), que brilha cantando “Black Sheep” do Metric.

Facasso de bilheteria nos EUA, o filme tem estreia prometida no dia 29 de outubro no Rio, depois São Paulo e algumas cidades do Brasil. Mesmo que ele seja derrotado por 7 ex-vencedores do Oscar do mal, é difícil que Scott Pilgrim Contra o Mundo não se torne pelo menos um sucesso no mercado de torrents e DVDs de Natal entre o público mais nerd-friendly.


Tinha cosplay de Ramona até dentro do filme

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • A gente
  • Home
  • Retro
  • Homeopatia
  • Overdose
  • Plantão
  • Receituário
  • Ressonância
  • Sem categoria
  • 2022
  • 2021
  • 2020
  • 2019
  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011