Num oferecimento…

Nossa avaliação

Em determinado momento do trailer aí embaixo, Morgan Spurlock (aquele mesmo que quase morreu comendo McDonalds por um mês) afirma que quer fazer o “Homem de Ferro” dos documentários. Um filme em que tudo, da primeira à última cena, seja pago com “product placement” – posicionamento de mercado ou, como nós chamamos mais genericamente no Brasil, merchandising. “Pom Wonderful presentes: The greatest movie ever sold” estreou no Festival de Sundance em janeiro e colecionou um rebanho de críticas positivas, destiladas sem nenhum pudor no trailer. Mas, quanto à proposta de expor o mundo da publicidade como ele realmente é, a prévia não mostra nada especialmente chocante – ou que qualquer pessoa com certo senso crítico não imagine que aconteça. De resto, a produção parece seguir o mesmo estilo pop-Michael Moore de documentário com um pouco mais de humor acidez presente em “Super size me”. Tudo indica(va) que o filme é bom, mas… sinceramente, antes desse trailer esperávamos bem mais de “The greatest movie ever sold”.

“Pom presents: The greatest movie ever sold” ainda não tem previsão de estreia no Brasil.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • A gente
  • Home
  • Retro
  • Homeopatia
  • Overdose
  • Plantão
  • Receituário
  • Ressonância
  • Sem categoria
  • 2021
  • 2020
  • 2019
  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010